alunos interessados

Que aumentar o número de alunos de uma instituição de ensino é um dos passos mais importantes para o sucesso todo gestor já sabe, não é? Mas o que ainda atrapalha muita gente é não saber exatamente os detalhes que fazem com que a escola continue perdendo matrículas. Um dos pontos fundamentais para o sucesso de uma campanha de captação é a gestão de alunos interessados. E é sobre isso que nós vamos falar hoje!

Vamos imaginar que sua escola já está no caminho certo. Você e sua equipe já definiram suas buyer personas, colocaram campanhas de marketing nos meios mais eficientes, definiram quem fará parte do time de vendas e desenvolveram um script matador para os vendedores. Se tudo isso está sendo posto em prática vocês devem estar recebendo uma chuva de interessados e isso é ótimo. Mas não fazer uma boa gestão desses interessados pode ser a ruína pra sua campanha de captação de alunos.

Mas como assim “alunos interessados”? Deixa eu te explicar. O caminho ideal para toda venda ou visita à sua escola é o fechamento imediato da matrícula, concorda? No entanto, isso nem sempre acontece. Muitas vezes o responsável ou o próprio aluno estão pesquisando e visitando outras escolas para, só depois, tomarem a decisão final. Nessa etapa, um bom timing e um follow-up precisos são fundamentais para o fechamento da matrícula.

Antes de tudo, para que você possa fazer o melhor acompanhamento possível é necessário que você conheça essa pessoa ao máximo. Por isso, a partir de agora, você e sua equipe irão guardar algumas informações fundamentais para um futuro fechamento.

1 – CONHECENDO SEUS ALUNOS INTERESSADOS – Dados cadastrais;

Ao receber um visitante na sua escola ou curso é fundamental que você solicite os principais dados cadastrais dessa pessoa. Você pode pedir que o visitante preencha uma ficha, fazer o preenchimento da ficha você mesmo ou inserir os dados o CRM de um sistema.

Os dados mais importantes são: Nome completo dos alunos interessados; Nome completo dos responsáveis; Endereço; Data de nascimento; Número de telefone e E-mail.

2 – CONHECENDO SEUS ALUNOS INTERESSADOS – Curso pretendido;

Depois de preencher a ficha do visitante é fundamental cadastrar qual o curso que o prospecto pretende ingressar.

É indispensável que você armazene as seguintes informações: Curso pretendido, Turno desejado, Escolas anteriores e, no caso de cursos livres ou idiomas, data em que pretende começar o curso.

3 – CONHECENDO SEUS ALUNOS INTERESSADOS – Detalhes da negociação;

E agora nós chegamos ao ponto principal! Tudo que foi dito deve ser anotado. Você até pode lembrar, daqui a uma ou duas semanas, o que foi conversado com um ou dois alunos. Mas quando nós elevamos esse número para dezenas não fica difícil imaginar que iremos perder alguns detalhes.

Para evitar que isso aconteça basta que você faça o registro de toda a conversa que foi tida. As principais informações que precisam ser guardadas são: Data da visita do prospecto; Valor da mensalidade ofertada; Valor de desconto na mensalidade (caso haja); Resumo conversa e Data do próximo contato.

Uma dica extra: Sempre saia de uma negociação com o próximo contato agendado!

Agora que você já sabe quais dados precisa pegar com os seus interessados basta meter a mão na massa! Um detalhe bem legal é que a partir desses dados sua escola vai passar a ter uma amostra ainda mais interessante de clientes em potencial que vai te ajudar a melhorar cada vez mais suas campanhas de captação. Mas isso é conversa pra outro post!

Gostou do nosso post? Sua escola já trabalha com esses dados? Tem alguma sugestão? Fala pra gente nos comentários.

Um abraço,

 

Sobre o autor

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Você pode usar essas tags e atributos HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close